Atenas

09/07/2012

Antes de começar o nosso roteiro uma pergunta: Alguém fala grego?? Por que se grego não for o forte de ninguém ( kkkkk e não é mesmo) vamos precisar de dicas de algumas palavras básicas, memorizem, pois falamos muito o Sãs efaristó e Parakaló kkk

– Sim = ne – Não = okhi – Oi = yasu

– Como vai? = Ti Kanis?

– Bom dia = Kalimera – Boa tarde= Kalispera – Boa noite= Kalinichta

– Por favor = Parakaló – Obrigado= sãs efaristó

– Quanto custa? = poso Káni

– Desculpe / com licença = signomi

Saimos de Zurich de manhã direto para Atenas. Ficamos no Hotel Museu. O hotel ficava a 45 minutos de carro do Aeroporto Internacional Eleftherios Venizelos. Há conexões com transportes públicos à apenas 80 m do Hotel Museum. A Estação de Metrô Omonoia está a 600 m.

O nosso hotel era bom, mas o local achei um pouco perigoso para sair à pé, foi melhor pegar táxi, pois na região rolava muita droga e estava lotado de policiais.

Iniciamos nossa caminhada com roupas básicas, sapatos confortáveis, tênis de preferência, protetor solar, boné, óculos de sol, chapéu nem pensar, pois lá venta muito e o mais importante: água para beber pois as temperaturas no verão são muito quentes e “borá” conhecer a Acrópole, foi corrido visitar em um único dia mas foi bem legal.

03_07_12_4R_Atenas03_07_12_2R_Atenas

03_07_12_14R_Atenas

Cerca de 100 metros de altura separam a Acrópole (cidade alta, na tradução literal) do restante de Atenas. A colina rochosa mundialmente famosa, santuário para o culto de vários deuses, principalmente aquela que dá nome à cidade, Atena, também abriga construções da Grécia antiga que são importantes para a humanidade até os dias de hoje. A visita à Acrópole é uma verdadeira peregrinação ao antigo e, pela quantidade de atrações no local e arredores, é provável que o visitante dedique boa parte do seu tempo apenas na região.

Depois que atravessamos a Acrópole, ficamos fascinadas ao ver o Pártenon, um dos edifícios mais famosos do mundo , tendo levado apenas nove anos para ser construído, o templo foi dedicado à deusa grega Atena, construído no século V a. C. É a mais conhecida das construções remanescentes da Grécia Antiga, sua arquitetura é fantástica. Não dá para conhecer Atenas sem relembrar “aquelas” aulas de História!!!

03_07_12_35R_Atenas

O Pártenon se mantém majestoso até hoje. Início da construção 447ac.

03_07_12_39R_Atenas

Seguindo nossa caminhada, mais um dos monumentos que formam a Acrópole !  Ficamos impressionadas com a beleza do monumento.

As Cariótidas – esculturas em forma de mulher que adornam a fachada da construção . (As estátuas foram substituídas, essas são réplicas, as originais estão no Novo Museu da Acrópole).

03_07_12_27R_Atenas

03_07_12_21R_Atenas

Continuamos nossa caminhada com fotos e mais fotos desse lugar histórico e encantador.

03_07_12_53R_Atenas

Lindo né!!!

Para continuar nosso tour, passamos ainda no Estádio Olímpico Atenas Panathinaikos, segundo infos do Wikipédia aqui esta:

Foi construído em 566 a.C. e reconstruído em 329 a.C., em mármore. Em 1870 suas ruínas foram restauradas. Em 1895 foi reformado para a realização dos primeiros Jogos Olímpicos da era moderna em Atenas 1896, sobre os planos dos arquitetos  Anastasios Metaxas e Ernst Ziller e financiado por George Averoff. Sua pista tem forma de U e suas arquibancadas tem capacidade para 80.000 espectadores sentados.

O estádio está localizado no centro de Atenas, a leste dos Jardins Nacionais e da Mansão Zappeion, a oeste do distrito residencial Pankrati e junto a colina de Ardettos. Situa-se no local exato onde se encontrava o estádio da Atenas antiga, onde celebraram-se as competições atléticas dos antigos Jogos Panatenaicos.

Recentemente o estádio é usado para glorificar conquistas importantes dos esportistas da Grécia, como o título do Campeonato Europeu de Futebol de 2004 pela seleção grega ou de eventos importantes como a cerimônia de abertura do Campeonato Mundial de Atletismo de 1997.

Em 2004 os Jogos Olímpicos voltaram a ser sediados na cidade de Atenas e o Estádio Panatenaico hospedou as competições de tiro com arco e a chegada da maratona masculina e feminina.

03_07_12_110R_Atenas
vamos correr?
03_07_12_121R_Atenas
Quem será que ganha essa?
03_07_12_129R_Atenas
Eu! 

Logo na saída do estádio tinha esse mural com a data que aconteceu a primeira olimpíada até sua ultima atualização.

03_07_12_133R_Atenas

Quem sabe um dia eu consiga voltar e ver o nome do Brasil estampado na pedra!!

03_07_12_135R_Atenas

Para finalizar o taxista que pegamos era muito bacana e nos levou até o outro lado da cidade num lugar bem alto da onde dava para ver o Pathernon. Foi um dia perfeito!

03_07_12_141R_Atenas03_07_12_149R_Atenas

03_07_12_165R_Atenas

No dia seguinte acordamos cedo e fomos visitar o Museu Arqueológico de Atenas,

03_07_12_175R_Atenas

03_07_12_179R_Atenas

Dentro do museu incluem as seguintes seções: Coleção da pré-história, esculturas, cerâmica, objetos de Santorini, objetos feitos de bronze e uma rica coleção de arte egípcia.

O Museu Arqueológico de Atenas é um dos melhores museus da cidade e aloja o maior dos tesouros arqueológicos da Grécia.

A visita é muito divertida, as exposições são extensa e variadas.

03_07_12_193R_Atenas

03_07_12_199R_Atenas

Saímos do Museu Arqueológico e fomos em frente ao Parlamento que todos os dias de hora em hora,  acontece a TROCA DA GUARDA . Os guardas vestem uns tamancos ornados com uns pompons na ponta, uma calça justa coberta por um saía, além de um colete e uma boina vermelha. Muito engraçado! Mas gostamos muito pois é diferente do que que já tínhamos visto.

03_07_12_190R_Atenas

E assim passamos dois dias em Atenas, como disse no início, foi corrido mas o bom é que as atrações turísticas estão bem perto umas das outras e os táxis são uma boa alternativa pois tem preços baixos, pois como ficamos sabendo, dirigir em Atenas é difícil, principalmente por não estarmos familiarizados com o jeito grego de guiar e achar um lugar para estacionar também é super difícil.

Mas vale muito a pena dar uma passadinha por Atenas!!

E next stop Mikonos!!!!

 

 

 

 

 

A melhor companheira de viagem!

Resolvi escrever esse post hoje porque além de ser o mês de nosso aniversário, hoje foi o aniversário de minha mãe. A coisa muito ruim de se morar fora é isso, pois em datas especiais, não podemos estar juntos para comemorar e abraçar as pessoas que mais amamos, mas enfim, são as escolhas da vida. Mas em sua homenagem, não pude abraça-la hoje, mas sim fazer esse post dedicado a ela.

Mas o mais importante é que vamos comemorar nosso aniversário na nossa próxima viagem, aliás ultimamente tem sido assim, e isso foi e tem sido muito bom!

E a minha melhor companheira e que está em quase todas minhas viagens por ai é a minha mãe!! sim ela mesmo!! As vezes parece estranho, já ouvi pessoas falarem: nossa viajar com a mãe, nem pensar, ou ahh não teria paciência, minha mãe não gosta.. enfim. Sempre tínhamos o costume de  viajar desde quando eu era criança, já fizemos muito acampamentos também, muitas histórias porém essas fotos não tenho por aqui agora.

Desde que vim morar na Suiça ela sempre deu um jeitinho de vir me visitar, mas não era para ficar aqui fazendo comidinhas e arrumando casa, com a total energia que ela tem e rodinha nos pés, fomos sempre viajar por ai!!!! Desde então a cada ano pesquisávamos um lugar novo para ir e nos aventurar!!! Meu pai também é um ótimo companheiro, mas infelizmente não conseguiu vir todas as vezes.

E aqui separei algumas fotos de alguns lugares que já fomos…

DSCN7241
Vendo as ninféias na Casa de Monet em Giverny, França – 2008
DSC_0406
Kandersteg – Suiça – 2010

 

DSC_0518
Interlaken – Jungfraujoch – 2010
DSC_0989
Portugal – Algarve – 2011
03_07_12_79R_Atenas
Atenas – 2012
06_07_12_125R_Santorini
Santorini – 2012
04_07_12_357R_Mikonos
Mikonos – 2012
DSC_0035
St Michel – França – 2013
DSC_0087
Istambul – 2013
DSC_0067
Capadocia –  passeio de balão – 2013
DSC_0076
Mais uma da Capadocia – 2013
REA_8862
Croácia – 2014

 

REA_4395
Praga – 2015
Viena001RE1_5005
Viena –  2015

O saudades que deu de rever essas fotos!! Legal né?!?! A gente conversa, ri, chora, paga mico, faz poses, passa frio, calor, dor, mas estar junto sempre é divertido demais!! E espero que essa nossa saga de viagens continue por muito tempo… já até falei, que se precisar, caso a rodinha sair do pé, levo-a até empurrando na cadeira de rodas…

Você também viaja com a sua mamis??? Qual foi o melhor destino de vocês?

Eu já estou ansiosa para a nossa próxima viagem!!